Sensibilização Ambiental - Importância e Relação com a Gestão Ambiental

Rita Teixeira d’Azevedo
Imprimir
Texto A A A

As empresas têm responsabilidades tanto na criação de riqueza como na protecção do Ambiente, pelo que deverão adoptar práticas de gestão ambiental que lhes permitam um conhecimento claro dos impactes provocados, assim como a disponibilização de meios, técnicos, humanos e financeiros, que garantam a sua minimização e controlo.

A formação e sensibilização ambiental surge como um dos requisitos para a implementação do sistema de gestão ambiental numa organização, além de que, o aumento da motivação dos trabalhadores é assegurado através do recurso à sensibilização e formação dos mesmos para as questões ambientais e, por uma maior consciencialização dos trabalhadores para o cumprimento dos objectivos ambientais estabelecidos pela organização, o que constitui uma das vantagens competitivas de implementação de um sistema de gestão ambiental.

Deste modo, a sensibilização, e consequente educação ambiental, permitem uma utilização mais responsável e eficiente dos recursos ambientais, com o objectivo de alcançar o tão desejável desenvolvimento sustentável, ou seja, um desenvolvimento que satisfaz as necessidades da geração actual sem comprometer a capacidade das gerações futuras satisfazerem as suas, garantindo a capacidade de reposição e regeneração dos recursos naturais, assegurando a manutenção da diversidade biológica, da qualidade do ar, da água e do solo, preservando a saúde pública e optando pela qualidade ambiental.

 

Documentos Recomendados

Educação e sensibilização no espaço urbano: turismo em torno do jardim

O Que Pensam as Delegadas e os Delegados da II Conferência Nacional Infanto-Juvenil pelo Meio Ambiente

Comentários

Newsletter