A Lagoa de Óbidos - ciclos de maré e campanha de amostragem de águas e sedimentos

Maria João Sacadura Carvalho, Mestrado em Gestão e Políticas Ambientais*
Imprimir
Texto A A A



. Minorar a ressuspensão de sedimentos
. Evitar a contaminação de toda a lagoa durante a dragagem das zonas mais sensíveis, com metais e compostos orgânicos como o metano que forma bolsas no sedimento
. Evitar a eutrofização
. Evitar desequilíbrios durante épocas de reprodução e crescimento de juvenis
. Encontrar um ponto de equilíbrio entre a maior profundidade necessária para estabelecer um REGIME DE VAZANTE e, a sobrevivência das espécies dependentes das zonas alagadas pouco profundas e intertidais

Está também prevista uma campanha de biomonitorização que permitirá definir zonas no que se refere à capacidade de suporte de vida para algumas espécies e habitats; esta carece ainda de definição em detalhe.

 

Documentos Recomendados

Gestão sustentável de sistemas lagunares: a Lagoa de Óbidos

Análise da relação entre a dinâmica de áreas saturadas e o transporte de sedimentos em uma bacia hidrográfica por meio de monitoramento e modelagem

Comentários

Newsletter