A floresta na Beira Litoral e a Direcção Regional de Agricultura (DRABL)

DRABL
Imprimir
Texto A A A

A DRABL é responsável pela gestão de mais de 74000 hectares de áreas florestais, que incluem povoamentos de produção lenhosa, zonas de recreio e matas tão emblemáticas como o Pinhal de Leiria ou a Mata do Buçaco.

O Estado é um importante actor florestal no nosso País, o caso da Beira Litoral e da acção da DRABL é um bom exemplo. Num ambiente de mudança na ocupação florestal e na atitude dos produtores, a DRABL é responsável pela gestão de mais de 74 000 ha de áreas florestais, que incluem áreas de produção, áreas de recreio e matas tão emblemáticas como o Pinhal de Leiria ou a mata do Buçaco.

A DRABL opera também na área da divulgação e formação e no fomento e apoio do associativismo florestal e no apoio a actividades de investigação e desenvolvimento.


Importância do Sector Florestal a Nível Regional

A floresta ocupa cerca de 47.3% da área global da DRABL, podendo expandir-se facilmente para valores aproximados dos 60%.

Possui um património florestal composto essencialmente por duas espécies florestais: pinheiro bravo 63.3% e Eucalipto 28%.

Unidades: 1 000ha

A área florestal pública corresponde a 5.4% da área florestal total; a área florestal comunitária a 16.2% e a área florestal privada a 78.4%.

O sector é responsável por 17 875 postos de trabalho.

A Produção Silvícola representa um VABpm de 25,341milhões de contos o que corresponde a 22,5% do VABpm Nacional.

Comentários

Newsletter