Bolsa de Investigação para Mestre II (m/f) (11-11-2019)

Imprimir
Texto A A A

GRAQ - ISEP

Edital para abertura de concurso para 1 Bolsa de Mestre no âmbito do projeto TERRAMATER

Encontra-se aberto concurso para a atribuição de 1 Bolsa de Mestre no âmbito do projeto TERRAMATER- Medidas inovadoras de recuperação preventiva em áreas queimadas (referência 0701_TERRAMATER_1_E) cofinanciado pelo Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional (FEDER) através do programa Interreg V-A Espanha-Portugal (POCTEP) 2014–2020, nas seguintes condições:

1. ÁREA CIENTÍFICA
Ciências do Ambiente

2. FORMAÇÃO ACADÉMICA
Mestrado Integrado em Engenharia do Ambiente com classificação igual ou superior a 14 valores.
Caso a habilitação tenha sido conferida por instituição de ensino superior estrangeira, a mesma tem de obedecer ao disposto no Decreto-Lei n.º 66/2018, de 16 de agosto, devendo quaisquer formalidades aí estabelecidas estar cumpridas até ao ato de contratação.

3. DURAÇÃO E REGIME DE ATIVIDADE
Duração de 6 meses, renovável, com início previsto em dezembro de 2019, em regime de exclusividade.

4. OBJETO DE ATIVIDADE / PLANO DE TRABALHOS
O bolseiro desenvolverá trabalho contribuindo para a recuperação das funções ambientais e produtivas de áreas ardidas, acelerando o processo, reduzindo perdas de solo por erosão e aumentando a sua resistência face a novos episódios de incêndio. As principais tarefas serão: (i) caracterização dos solos ardidos: determinação de parâmetros físicos e químicos, nomeadamente de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos e retardadores de chama; (ii) avaliação do desempenho em áreas ardidas de corretivos do solo, preparados “à la carte”; (iii) colaboração com toda a equipa do consórcio nas atividades do projeto; (iv) divulgação e realização de ações do projeto.

5. LEGISLAÇÃO E REGULAMENTAÇÃO APLICÁVEL
Estatuto do Bolseiro de Investigação, aprovado pela Lei n.º 40/2004, de 18 de agosto, da redação atualmente em vigor, o Regulamento de Bolsas de Investigação da Fundação para a Ciência e Tecnologia, aprovado pelo Regulamento n.º 234/2012, na redação atualmente em vigor.

6. ORIENTAÇÃO CIENTÍFICA E LOCAL DE TRABALHO
Os trabalhos serão desenvolvidos no Instituto Superior de Engenharia do Porto, ISEP, no laboratório GRAQ (Grupo de Reação e Análises Químicas), sob orientação da Profª. Doutora Cristina Delerue Matos e da Doutora Maria Manuela Martins de Carvalho.

7. SUBSÍDIO DE MANUTENÇÃO MENSAL
Valor mensal da bolsa: €989,70, pago por transferência bancária (de acordo com tabela de valores da FCT: http://www.fct.pt/apoios/bolsas/valores.phtml.pt), suportada através do PAD n.º C45643.

8. MÉTODOS DE SELEÇÃO E COMPOSIÇÃO DO JÚRI
Os critérios de avaliação são: avaliação curricular (40%) e experiência em gestão de resíduos nomeadamente na sua valorização, preparação de amostras usando extração em fase sólida (SPE) e QuEChERS, na técnica analítica de cromatografia líquida acoplada a detetor de fluorescência e de massa e ainda experiência em atividades de investigação (60%). Se necessário, numa segunda fase, os primeiros classificados na seriação, até ao máximo de três candidatos, poderão ser entrevistados, tendo a entrevista um peso de 50% e a componente da avaliação curricular realizada na primeira fase um peso de 50%.
O júri terá a seguinte composição: Prof.ª Doutora Cristina Delerue-Matos (Presidente), Prof.ª Doutora Maria Manuela Martins de Carvalho Professora Doutora Simone Barreira Morais e Doutor José Tomás Veiga Soares de Albergaria.

9. FORMA DE PUBLICITAÇÃO / NOTIFICAÇÃO DOS RESULTADOS
O anúncio será publicitado no portal do ERACareers e no site do ISEP, podendo ser utilizados outros meios entendidos como relevantes. Os resultados finais da avaliação serão divulgados por e-mail para todos os candidatos.

10. CANDIDATURA
Grau académico: Mestrado Integrado em Engenharia do Ambiente
Perfil mínimo exigido: formação científica sólida e experiência em investigação (mínimo de 1 ano) no respetivo âmbito de formação.
Escrever e falar fluentemente em Inglês.
Experiência de trabalho anterior em métodos de preparação e separação de amostras, em métodos instrumentais de análise (cromatografia líquida) e tratamento de dados.

11. PRAZO E FORMA DE APRESENTAÇÃO DE CANDIDATURAS
O prazo de apresentação de candidaturas decorre entre 26 de novembro e 9 de dezembro de 2019.
As candidaturas devem ser formalizadas através do envio dos seguintes documentos: Carta de apresentação, Curriculum Vitae, documentos comprovativos de que reúne as condições exigíveis para o respetivo tipo de bolsa, nomeadamente certificados de habilitações de todos os graus académicos obtidos, com indicação da média final. A falta de algum dos documentos exigidos na candidatura é motivo de exclusão.
As candidaturas deverão ser enviadas para o seguinte endereço eletrónico: mmc@isep.ipp.pt (A/C Doutora Maria Manuela Carvalho).

12. RESERVA DE SELEÇÃO
O ISEP reserva-se ao direito de recorrer aos candidatos não selecionados, por ordem de seriação, para a contratação de bolseiro no âmbito do mesmo projeto por via da desistência do candidato inicialmente selecionado.

 

Produtos Sugeridos:

Silvicultura: a Gestão dos Ecossistemas Florestais

A Floresta em Portugal - Um apelo à inquietação cívica

Práticas de Solos

Silvicultura Próxima da Natureza

 

[Se desejar manter-se informado sobre as oportunidades de emprego que surgem diariamente na área do Ambiente e Gestão de Recursos Naturais, siga a página "NaturJobs" que a Naturlink criou no Facebook em http://facebook.com/NaturJobs]

Comentários

Newsletter

 

Envie o seu anúncio de emprego através do e-mail naturlink@naturlink.pt